Como começar a assistir Star Trek

Tradução do artigo criado por /u/kraetos, disponível no Reddit.

I thank the author for writing such an engaging piece that helped me get into this amazing franchise and also for giving me permission to translate it.

Em 2016, quando cogitei assistir Star Trek, ler esse artigo me mostrou o quão apaixonante esse universo poderia ser. Desde então, me envolvi cada vez mais com a franquia e sempre recomendo esse artigo a pessoas que demonstram um mínimo de interesse em Star Trek mas não sabem por onde começar.

Notas de tradução: Adições do tradutor ao texto original estão entre colchetes. Disponibilidade de séries e filmes está de acordo com o catálogo brasileiro dos serviços de streaming na data de publicação da tradução. Acredito que traduções “ao pé da letra” não são boas traduções. Creio que o mais importante é, sempre que possível, manter o sentido do texto original, capturando suas sutilezas e nuances. Sugestões e críticas são sempre bem-vindas, mas caso queira comparar a tradução com o texto original, tenha isso em mente.

Star Trek é uma franquia gigante. Uma das maiores que existe. Para alguém que deseja começar a assistir Star Trek pela primeira vez, pode ser algo assustador.

Esse artigo é dividido em duas seções porque há dois tipos de pessoas que querem começar a assistir Star Trek: as que já estão determinadas desde o princípio, e as que ainda não têm certeza se Star Trek é para elas.

Importante: Se você está aqui porque quer assistir Star Trek: Discovery, nenhum conhecimento prévio de Star Trek é necessário. Você pode ir direto pra primeira temporada sem medo algum.

Logo da franquia Star Trek
Fonte

Star Trek é pra mim?

Essa é uma ótima pergunta. Star Trek tem um apelo diferente de Star Wars, a única outra franquia norte-americana de ficção científica que está no mesmo patamar de Trek em termos de reconhecimento popular. Com um nome como Star Wars [Guerra nas Estrelas], você imediatamente sabe o que vem por aí: muito pew pew [o famoso som de armas laser] e explosões. Mas se você pegar um episódio aleatório de TNG [The Next Generation] na Netflix, pode não haver nenhum pew o episódio inteiro.

Ao invés de tentar explicar o que faz de Trek, Trek, eu vou deixar Trek falar por mim. Se você nunca viu um episódio de Star Trek em sua vida, mas você quer experimentar, o episódio que você deveria assistir é o episódio “Darmok”, o 2º episódio da 5ª temporada de Star Trek: The Next Generation. Aqui vai tudo que você precisa saber para assistir:

  • Essa iteração de Star Trek se passa em meados do século XXIV, cerca de 350 anos no futuro.
  • No futuro, a Terra é o membro mais proeminente de uma organização chamada de Federação Unida dos Planetas [FUP], uma República Federativa interestelar, com cerca de 150 planetas membros.
  • A principal organização militar e exploratória da FUP é chamada de Frota Estelar, e a USS Enterprise é sua principal nave espacial.
  • Capitão Jean-Luc Picard é o capitão da USS Enterprise. Apesar de Picard não ser nada mal combate, ele construiu sua reputação como um dos melhores capitães da Frota Estelar por ser um notável diplomata.
  • A missão principal da Frota Estelar é buscar novas formas de vida e novas civilizações e ninguém é melhor nisso que o Capitão Picard.
Imagem do episódio Darmok mostrando o capitão Picard e o alienígena Dathon
Star Trek: The Next Generation S05E02: Darmok — Fonte

É isso. Agora vá assistir esse episódio. Tá na Netflix.

Não se preocupe, eu espero.

Não, sério, pare por aí. Se você continuar lendo, vai estragar tudo!

Pronto?

E aí, o que achou?

Aqui está o porquê eu te fiz assistir esse episódio:

1. Cada membro da tripulação realiza as tarefas as quais são tipicamente designados.

Eu gosto desse episódio para novos Trekkies porque você vê todo mundo fazendo o que faz melhor:

  • O Capitão Picard está lá no planeta, colocando sua experiência diplomática a teste. Coopere, ou morra.
  • O Comandante Riker está no comando da Enterprise na ausência de Picard.
  • O Comandante Data tenta elaborar um plano para resgatar Picard.
  • O Comandante LaForge tenta aprimorar os transportadores enquanto repara os danos ocasionados à Enteprise.
  • O Tenente Worf quer atirar nos alienígenas até o problema ser resolvido.
  • A Dr. Crusher monitora os sinais de vida de Picard e Dathon da Enterprise e dá conselhos médicos.
  • A Comandante Troi trabalha com Data para descobrir como a cultura e língua alienígena trabalham.

2. A estória em si depende de interagir com uma nova espécie alienígena, um dos temas mais presentes em Trek.

Quer dizer, eles falam logo na abertura: “Explorar novos mundos estranhos, buscar por novas formas de vida e novas civilizações”. “Darmok” faz tudo isso. Um planeta onde a forma de vida nativa é um tipo de besta invisível? Uma civilização alien que se comunica exclusivamente através de metáforas? Nós com certeza cumprimos o critério de “estranho”.

3. A solução não se resume a jargões técnicos incompreensíveis.

Uma coisa que ficou problemática conforme Trek avançou é que às vezes as soluções eram tão estranhas e sem sentido quanto o problema em si. “Darmok” não tem esse problema, qualquer um pode compreender a resolução da estória.

4. A resposta vai te fazer cair pra trás.

Aposto que você não previu essa, né? Isso é Trek em seu melhor: uma história que mexe com a sua cabeça, e uma resolução que expande seus horizontes um pouquinho. É disso que se trata Trek.

Como um bônus extra, a história é completamente independente do restante da série, não sendo referenciada antes ou depois, então você não estragou nada ao assistir ela isoladamente. Além disso, esse é um dos melhores 25 episódios de TNG na maioria das enquetes dos fãs.

Com esse episódio e a primeira parte desse texto pra trás, você está agora preparado(a) pra responder a pergunta “Star Trek é pra mim?”. Se você achou esse episódio chato, não perca seu tempo, porque ele representa muito bem a maioria dos episódios de Star Trek. Já se você amou e precisa ver mais, continue lendo

Como posso compreender a franquia?

Essa também é uma ótima pergunta. Com 7 séries de TV contendo centenas de episódios, 13 filmes, incontáveis livros, HQs e jogos, tem muita coisa acontecendo. Pra compreender isso tudo, você precisa entender as divisões na história de Trek.

Resumo das principais séries de Star Trek, com seu nome, sigla, número de temporadas e data de lançamento. O presente texto não conta com Picard, que é a 8ª série Star Trek. — Fonte

As Cinco Eras de Trek

O que é confuso sobre isso é que as eras não estão ordenadas cronologicamente conforme foram originalmente lançadas. A primeira era a ser lançada é a era do meio cronologicamente, a segunda era lançada é a última cronologicamente, a terceira era lançada é a primeira cronologicamente e tanto a quarta quanto a quinta era nos mandam para logo antes da primeira era (a do meio) iniciar — mas em realidades quânticas diferentes! Aqui estão os dados essenciais de cada era, na ordem que foram lançadas:

A era da série original

Lançamento: 1966–1991

Período: 2265–2293 (Datas estelares 1312.4–9521.6)

Capitão: James T. Kirk

Séries de TV:

  • Star Trek: The Original Series (1966–1969, relançada 2006–2009)[disponível na Netflix]
  • Star Trek: The Animated Series (1973–1974) [disponível na Netflix]

Filmes:

  • Star Trek: The Motion Picture (1979) [disponível na Amazon Prime]
  • Star Trek II: The Wrath of Khan (1982) [disponível na Amazon Prime]
  • Star Trek III: The Search for Spock (1984) [disponível na Amazon Prime]
  • Star Trek IV: The Voyage Home (1986) [disponível na Amazon Prime]
  • Star Trek V: The Final Frontier (1988) [disponível na Amazon Prime]
  • Star Trek VI: The Undiscovered Country (1991) [disponível na Amazon Prime]

Coisas que você deveria saber sobre essa era:

Imagem da tripulação da série Star Trek
Star Trek: The Original Series — Fonte

Star Trek: The Original Series

  • A Série Original (geralmente referenciada como TOS) é onde tudo começou. Kirk, Spock, McCoy. Há duas versões dessa série por aí: a versão original dos anos 60 e a versão remasterizada lançada pela CBS de 2006 a 2009. A versão remasterizada está em 1080p e todos os efeitos especiais foram refeitos em CGI. Eu acho que é uma melhoria, mas nem todo mundo concorda comigo.
  • TOS tem altos e baixos. Philip J. Fry [do desenho Futurama] descreveu como “Sabe, 1966? 79 episódios, uns 30 bons”. E ele estava certo. O ritmo é lento, a atuação é questionável e os cenários são datados. Mas se você conseguir passar por cima disso tudo, tem alguns episódios realmente bons, sendo uma série dos anos 60 ou não. [O próprio autor do texto fez um guia com esses 30 episódios bons, que está disponível no Reddit.]
Imagem da tripulação da série Star Trek: A Série Animada
Star Trek: The Animated Series — Fonte

Star Trek: The Animated Series

  • A Série Animada foi um desenho bem baixo orçamento que passou de 1973 a 1974 e só teve duas temporadas. (Uma e meia, na verdade.)
  • Ela… não é muito boa. Tem talvez dois ou três episódios que se destacam, mas no geral você pode pular ela.

Os Filmes Originais

  • Os filmes originais são o que realmente alavancou Star Trek ao status de ícone cultural, especialmente o segundo e quarto filmes. Qualquer Trekkie sério deveria assistir todos eles.
  • O primeiro é basicamente um episódio de TOS com o triplo de duração e um orçamento absurdamente alto. A maioria não gosta dele, mas é um dos meus favoritos.
  • O segundo, terceiro e quarto formam uma trilogia (frequentemente chamada de “A Trilogia Spock”) que é bem mais pesada na ação que a maioria dos outros filmes.
  • O quinto é também muito parecido com um episódio de TOS, mas muitos consideram ele um fracasso e o próprio Roddenberry [o criador de Star Trek] disse que alguns elementos desse filme são “apócrifos”.
  • O sexto é o ponto alto da era TOS, uma das melhores estórias da franquia, e meu filme Trek preferido. Ele é um thriller político, bem distinto dos tons de ação e aventura da trilogia Spock e dos filmes I e V, que focam em exploração.

A era da nova geração

Lançamento: 1987–2002

Período: 2364–2379

Capitães: Jean-Luc Picard, Benjamin Sisko, Kathryn Janeway

Séries de TV:

  • Star Trek: The Next Generation (1987–1994) [disponível na Netflix]
  • Star Trek: Deep Space Nine (1993–1999) [disponível na Netflix]
  • Star Trek: Voyager (1995–2001) [disponível na Netflix]

Filmes:

  • Star Trek: Generations (1994) [disponível na Amazon Prime]
  • Star Trek: First Contact (1996) [disponível na Amazon Prime]
  • Star Trek: Insurrection (1998) [disponível na Amazon Prime]
  • Star Trek: Nemesis (2002) [disponível na Amazon Prime]

Coisas que você deveria saber sobre essa era:

Imagem da tripulação da série Star Trek: A Próxima Geração
Star Trek: The Next Generation — Fonte

Star Trek: The Next Generation

  • Se os filmes originais levantaram a bola, The Next Generation fez o gol. Star Trek, como franquia, atingiu o pico de sua fama e status nessa era, e foi The Next Generation que fez a maior parte do trabalho. Em seu ápice, cada episódio de TNG custava mais de um milhão de dólares para produzir e regularmente alcançava 15 milhões de espectadores para cada novo episódio.
  • TNG tem algo para todos e todas. Se você está incerto(a) sobre qual série você quer assistir a seguir, a aposta mais segura é TNG. Ela tem a atratividade mais ampla e é de longe a série mais acessível de Trek.
  • Dito isso, uma regra de ouro para essa era e a próxima é “nunca julgue um spinoff de Trek a partir de suas duas primeiras temporadas”. A primeira temporada de TNG tem várias falhas, mas tem alguns episódios agradáveis espalhados por aqui e ali. Contudo, a série melhora consideravelmente conforme ela avança.
Star Trek: Deep Space Nine — Fonte

Star Trek: Deep Space Nine

  • DS9 se passa numa estação espacial Cardassiana abandonada que fica muito próxima a um buraco de minhoca estável no Quadrante Gamma, em um canto distante da Galáxia. É uma série bastante polarizada. Alguns acham que é a melhor série de Star Trek, outros acham que é a pior.
  • DS9 é caracterizada pelo seu formato de estórias mais longas. DS9 tem vários episódios duplos ou triplos, uma estória que perpassa toda a série, um arco de 7 episódios e até termina em um arco de 9 episódios. DS9 também é o Trek mais sombrio, e se afasta bastante da visão original de Roddenberry para a franquia.
  • Assim como TNG, as primeiras duas temporadas de DS9 são esquisitas. A série melhora bastante com as introduções do Dominion na temporada 2, da USS Defiant na temporada 3 e quando Michael Dorn se junta ao elenco como Worf na temporada 4.
Star Trek: Voyager — Fonte

Star Trek: Voyager

  • VOY se passa numa nave muito menor que a Enterprise NCC-1701-D, a USS Voyager. No episódio piloto, Voyager é jogada para um canto distante do quadrante Delta e a série foca na jornada de retorno de 70,000 anos-luz.
  • VOY é caracterizada pelo retorno aos aspectos exploratórios de Trek, especialmente nas duas primeiras temporadas. Nas temporadas posteriores, os Borg se tornam o foco da série.
  • As primeiras três temporadas de VOY são bem diferente das últimas quatro, devido à introdução da Sete de Nove e dos Borg. A maioria das pessoas considera a segunda metade da série melhor que a primeira.

Filmes

  • Star Trek: Generations é a ponte entre os filmes de TOS e os filmes de TNG, e mostra a última aventura do Capitão Kirk.
  • Star Trek: First Contact é sobre uma tentativa dos Borg de impedir a Federação de ser formada e é geralmente considerado o melhor filme da era TNG.
  • Star Trek: Insurrection é essencialmente um episódio de TNG de alto orçamento em que a Enterprise encontra um planeta em espaço da Federação com propriedades únicas e valiosas, mas uma população nativa que não deseja sair dali. Opiniões divergem se isso funcionou ou não.
  • Star Trek: Nemesis é o último filme TNG e é sobre os Romulanos e seus escravos, os Remanos. É geralmente considerado o filme mais fraco de TNG.

Era Enterprise

Lançamento: 2001–2005

Período: 2151–2155 (episódio final “se passa” em 2161)

Capitão: Jonathan Archer

Séries de TV:

  • Enterprise (posteriormente renomeado como: Star Trek: Enterprise) [disponível na Netflix]

Filmes:

  • nenhum

Coisas que você deveria saber sobre essa era:

Star Trek: Enterprise — Fonte
  • A era Enterprise é a era mais curta. Apenas uma série de TV se passa nessa era e não há nenhum filme.
  • Enterprise é uma “prequel” da franquia Trek, se passando mais de cem anos antes que o Capitão Kirk assumisse comando da NCC-1701.
  • Como outros spinoffs de Trek, este melhora significativamente na terceira e quarta temporadas, mas infelizmente foi cancelado antes que pudesse chegar a uma quinta.

Linha do tempo Kelvin

Lançamento: 2009-Presente

Período: 2255-???

Capitão: James T. Kirk

Séries de TV:

  • nenhuma

Filmes:

  • Star Trek (2009) [disponível na Amazon Prime]
  • Star Trek Into Darkness (2013) [disponível na Amazon Prime]
  • Star Trek Beyond (2016)

Coisas que você deveria saber sobre essa era:

Linha do tempo Kelvin — Fonte
  • Nomear esta porção do universe Trek é tema de debate. O site Memory Alpha chama ela de “Realidade alternativa”, usando a descrição dessa linha do tempo dada por Uhura no primeiro filme. A equipe de produção da CBS a chama de “Linha do tempo Kelvin”, apesar de a CBS não ter propriedade sobre esses filmes. Alguns fãs chama de “NuTrek”. Eu prefiro “Linha do tempo Kelvin”, visto que é claro e descritivo.
  • A linha do tempo Kelvin está em andamento. O quarto filme está em pré-produção.
  • A linha do tempo Kelvin é um “reboot” da franquia Star Trek, ainda que este “reboot” tire vantagem de que há múltiplas realidades em Star Trek e, no que diz respeito a cânone, ambos os universos existem simultaneamente.
  • Os filmes da linha do tempo Kelvin alcançaram grande sucesso comercial e de crítica, mas foram bastante polarizados entre a comunidade Trek.

Era Discovery

Lançamento: 2017-Presente

Período: 2256-???

Personagem principal: Michael Burnham

Séries de TV:

  • Star Trek: Discovery [disponível na Netflix]

Filmes:

  • nenhum

Coisas que você deveria saber sobre essa era:

Star Trek: Discovery — Fonte
  • Essa é a encarnação atual de Star Trek, uma série exclusiva para streaming, disponível no CBS All-Access [e no Brasil, pela Netflix].
  • Ela é uma “prequel” de TOS e se passa na mesma linha do tempo que todas as outras séries — sem baboseiras de realidade alternativa.
  • É a única série de Star Trek em que o personagem principal não é o/a comandante da nave espacial homônima à série.
  • Assim como os filmes da linha do tempo Kelvin, Discovery foi aclamada pela crítica. Entretanto, ela dividiu profundamente a comunidade de fãs.
  • Até Janeiro de 2019, a CBS anunciou que três outras séries de Star Trek exclusivas para o CBS All-Access estariam em pré-produção: uma série sem nome em que Patrick Stewart reprisaria seu papel como Jean-Luc Picard, uma animação de comédia chamada Lower Decks e um spinoff direto de Discovery estrelando uma das participações especiais da primeira temporada de Discovery.
  • [Das séries mencionadas acima, a primeira é Picard, que já lançou e está disponível na Amazon Prime. A segunda tem lançamento previsto para 2020. Já a última, foi anunciada com o nome de Strange New Worlds, devendo estrear em 2021 ou 2022.]
  • Ainda que tenha muitas referências a outras estórias de Star Trek, você pode começar direto em Discovery e não ficará perdido(a).

Conclusão

Se você só for assistir uma série, assista Star Trek: The Next Generation. Mas se você está determinado(a) a assistir tudo, assista nessa ordem:

  • Star Trek: The Original Series (a série animada também, se você quiser)
  • Filmes Originais
  • Star Trek: The Next Generation Temporadas 1–6
  • Star Trek: Deep Space Nine Temporada 1
  • TNG Temporada 7
  • DS9 Temporada 2
  • Star Trek: Generations
  • DS9 Temporada 3
  • Star Trek: Voyager Temporada 1
  • DS9 Temporada 4
  • VOY Temporada 2
  • Star Trek: First Contact
  • DS9 Temporada 5
  • VOY Temporada 3
  • DS9 Temporada 6
  • VOY Temporada 4
  • Star Trek: Insurrection
  • DS9 Temporada 7
  • VOY Seasons 5–7
  • Star Trek: Nemesis
  • Star Trek: Enterprise
  • Filmes da Linha do tempo Kelvin
  • Star Trek: Discovery Temporadas 1–2

Ou, uma forma mais simples seria:

  • Star Trek: The Original Series
  • Filmes Originais
  • Star Trek: The Next Generation
  • Filmes TNG
  • Star Trek: Deep Space Nine
  • Star Trek: Voyager
  • Star Trek: Enterprise
  • Filmes da Linha do tempo Kelvin
  • Star Trek: Discovery

Então vá em frente, para onde ninguém jamais foi!

Game reviews and random texts. Às vezes textos em Português.

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store